Connect with us

Viciados

Fortnite Season 3 e evento ao vivo ‘The Device’ foram adiados

Published

on

A Epic disse que quer dar tempo à equipe de desenvolvimento 'para se concentrar em si mesmos, em suas famílias e em suas comunidades'.

A Epic disse que quer dar tempo à equipe de desenvolvimento ‘para se concentrar em si mesmos, em suas famílias e em suas comunidades’.

Desde já a Epic Games anunciou que, como resultado dos protestos em andamento contra a violência e o racismo da polícia nos EUA e no mundo, o evento ao vivo “The Device” do Fortnite e o início da Terceira Temporada do Fortnite foram adiados.

Fortnite Season 3 e evento ao vivo 'The Device' foram adiados 2022 Viciados
Fortnite

“Os eventos recentes são um lembrete pesado das injustiças contínuas na sociedade, da negação dos direitos humanos básicos ao impacto do racismo, manifesto e sutil contra pessoas de cor. Estamos cientes da dor que nossos amigos, famílias, membros da equipe, jogadores e comunidades estão passando “

“Acreditamos em igualdade e justiça, diversidade e inclusão, e que esses fundamentos estão acima da política. A equipe está ansiosa para avançar com o Fortnite, mas precisamos equilibrar o lançamento da terceira temporada com tempo para que a equipe se concentre em si mesma e em suas famílias. e suas comunidades “.

Assim o evento ao vivo do Device agora está agendado para 15 de junho, enquanto o início da terceira temporada de Fortnite, marcada para 6 de junho, acontecerá em 17 de junho.

Confira também: Battlefield 5 | Atualização final já está disponível

Adiamentos por causa dos protestos

Ao mesmo tempo, os protestos pelos EUA, muitos dos quais foram enfrentados com violência pela polícia e pelas unidades da Guarda Nacional, foram desencadeados pelo assassinato de George Floyd, em 25 de maio, pelo policial Derek Chauvin de Minneapolis. Após três dias de protestos, Chauvin foi acusado de assassinato em terceiro grau e homicídio em segundo grau, mas essas acusações foram atualizadas hoje para assassinato em segundo grau. Os três policiais que testemunharam Chauvin matando Floyd, mas não intervieram, Thomas Lane, J. Kueng e Tou Thao também foram acusados ​​de ajudar e favorecer o assassinato em segundo grau.

Enfim, gosta do Portal Viciados? Contamos consigo! Siga-nos no GNotícias. Clique aqui e depois em Seguir.

Colaborador do Portal Viciados, dono do canal "CanalSemTerror" no YouTube.

Advertisement

Confira também