Ligue-se a nós

Games

Dying Light 2 indo bem, apesar das mudanças na equipe, diz Techland

A Techland afirma que 2021 é o ano de Dying Light 2!

Henrique Bravo

Publicado

no

A Techland deixa claro que, embora um membro da equipe de desenvolvimento de Dying Light 2 tenha partido, ela já tinha isso planejado.

No começo de 2021 a Techland declarou que Dying Light 2 não iria mais se manter envolto em mistério. Assim sendo, mesmo que não façamos ideia do estágio de desenvolvimento que o título está e se ele chegará ainda nesse ano, era bom saber que havia um progresso sendo realizado em sua produção.

No entanto, alguns dias depois a Techland, o estúdio que trabalha em Dying Light 2, viu um de seus funcionários deixar a empresa. Mas apesar da saída do escritor e diretor de arte Pawel Selinger, a Techland quis deixar claro que o desenvolvimento do jogo ainda está indo muito bem.

Ademais, a empresa foi obrigada a se posicionar após os rumores sobre a saída do diretor de arte do game. “Gostaríamos de assegurar aos jogadores que o cargo de Diretor de Arte não está ameaçado e é ocupado por Eric Cochonneau desde novembro de 2019. Ele está cuidando de cada aspecto do desenvolvimento desde o seu início e o time sob sua liderança está fazendo o seu melhor para trazer o melhor jogo possível”.

Além disso, a Techland acrescentou que a saída de Selinger não foi tão abrupta quanto alguns na comunidade de jogadores passaram a acreditar. Seu anúncio no LinkedIn foi aparentemente apenas o último passo. 

A desenvolvedora afirmou que o profissional foi muito importante para a sua história e fez parte de jogos aclamados. “Selinger foi o nosso designer de narrativa em nossos últimos dois anos e decidiu, no fim de 2020, que encerraria a sua cooperação conosco para seguir seu crescimento da carreira em outro lugar.”

Dying Light 2 terá seu desenvolvimento afetado?

Apesar de todos os acontecimentos, foi revelado que o título será mantido da mesma forma após a sua saída e quem está trabalhando no projeto em seu lugar. “Ele também deixou um grande pedaço de si mesmo em Dying Light 2, já que trabalhou no projeto desde o início. Seu cargo e o setor de narrativa foram assumidos por Piotr Szymanek em outubro de 2020”.

Em suma, os detalhes sobre o funcionamento interno da Techland se tornaram tão incomumente específicos, em parte porque a empresa queria amenizar os temores de que o desenvolvimento de Dying Light 2 estava enfrentando ainda mais problemas. Alguns na comunidade de jogos achavam que a saída de um funcionário poderia ser o sinal de que algo mais profundo estava acontecendo, mas a desenvolvedora ressalta que tudo está ocorrendo dentro dos planos.

Confira também: GTA Online | Novidades confirmadas para PS5 e Xbox Series

Enfim, gosta do Portal Viciados? Contamos contigo! Siga-nos no Google Notícias. Clique aqui e depois em Seguir. Também faça parte da discussão no Facebook e no Twitter.

Fonte: gamerview

Jornalista e Redator do Portal Viciados.

Anúncio

Em Alta