Ligue-se a nós

Games

Diablo IV | História, mundo aberto, progressão, e multiplayer!

A Blizzard compartilhou uma grande quantia de informações sobre Diablo IV.

Henrique Bravo

Publicado

no

Através de uma publicação recente nos fóruns oficiais da Blizzard, foi compartilhado grandes quantidades de detalhes sobre Diablo IV, o próximo representante da amada série de RPG. Assim sendo, desde detalhes mais artísticos como enredo e narrativa, até facetas mais mecânicas, como o multiplayer e o sistema de progressão.

A empresa nos permitiu obter um entendimento aprofundado da proposta que, teoricamente, tem um lançamento previsto para este ano. Uma questão sobre a qual, pelo menos agora, é cedo para se dizer será, ou não, afetado pelo coronavírus.

Narrativa

Nesse quesito, escrito por Luis Barriga(diretor), o mesmo observa:

“primeiramente para lidar com as conversas, estamos experimentando uma mistura de câmeras coreografadas manualmente e outras geradas com ferramentas. Para interações simples com os NPCs, aproximamos a câmera dos personagens (mas mantendo uma aparência isométrica geral); e ademais usamos uma biblioteca de animação para projetar a ideia principal das conversas “.

O segundo método de narração que estamos desenvolvendo é a filmagem. Nesse caso, pegamos a câmera e a usamos para contar a história de maneira semelhante a um filme, então vamos reservar essa técnica para os momentos mais importantes.

Veja também as últimas notícias:

Mundo aberto

Um dos pilares mais pronunciados do Diablo IV é o seu mundo aberto. Embora a saga, especialmente depois de Diablo III, tenha oferecido doses notáveis ​​de liberdade a seus jogadores, as novas viagens ao Santuário oferecerá ” uma série de sistemas de mundo aberto e conteúdo que você descobrirá à medida que progredir “. Além disso, ” se você quiser dar um tempo na campanha principal e explorar, criar itens ou lutar contra outros jogadores, você pode .”

Posteriormente, Luis Barriga elabora: “Embora tenhamos muitas atividades de mundo aberto, como artesanato, eventos, PvP no mundo e missões secundárias, talvez a característica mais popular do mundo aberto sejam os assentamentosque são lugares importantes repletos de inimigos que , uma vez liberadospodem se tornam postos avançados com NPCs amigáveis ​​e um transportador

Embora cada assentamento tenha um pano de fundo, a maior parte da história é visual e as missões não levam diretamente a eles. Por exemplo, um dos assentamentos na área é uma cidade afetada por uma maldição que transforma os moradores em sal. Outra, uma cripta habitada por um espírito que tem os corpos dos mortos-vivos e salta de um esqueleto para outro até que você termine com ele”.

Multijogador

Quanto à questão do online, a Blizzard quer evitar gerar uma impressão de MMO, então Diablo IV não nos mostrará um grande número de jogadores durante nossa jornada. As masmorras e os momentos principais da história são sempre privados para o jogador e seu grupo.

Quando tais momentos da história estiverem completos e as cidades se tornarem centros sociais, você encontrará algumas pessoas na cidade. E quando você estiver lá, às vezes encontrará um jogador, mas se você for a um lugar onde um evento mundial está ocorrendo, encontrará uma maior aglomeração de jogadores que tentarão repelir um ataque realizado por um horda canibal ou eles estarão tentando matar Ashava , um chefe demoníaco do mundo que já mostramos na BlizzCon,explica Barriga.

Confira também: Cyberpunk 2077 | Trailer inédito traz detalhes do prólogo!

“Deve-se notar que, embora seja sempre útil ter alguma coordenação durante esses eventos, não é necessário ingressar em um grupo. Os jogadores podem vir sozinhos, participar do evento e receber a recompensa”.

Objetos e progressão

Nesta área, o diretor não detalha muitos aspectos equivalentes aos dos temas anteriores, mas compartilha uma perspectiva interessante, a qual eles esperam, que Diablo IV incutirá nos jogadores:  

“Um amigo meu costumava dizer que Diablo é um daqueles jogos que você continua jogando em sua mentee Diablo IV não é diferente . Além do tempo oficial do jogo alocado durante o teste, eu podia sentir como se o jogo estivesse em minha mente e refleti sobre os objetos que seriam bons para minha configuração e os talentos que eu seria capaz de desbloquear para obter sinergias entre habilidades importantes”, diz ele, também compartilhando uma captura de tela da aparência de alguns desses objetos:

Por fim, Barriga conclui garantindo que Diablo IV é muito divertido e que o desenvolvimento das áreas é promissor e estamos entusiasmados”.

Jornalista e Redator do Portal Viciados.

Anúncio

Confira também